Reconstrução capilar: Dicas e cuidados para fazer reconstrução em casa

A resolução do seu dispositivo não suporta este website.
Por favor, tente com uma resolução maior.

Não é raro ouvir falar sobre reconstrução capilar atualmente. O tratamento mais indicado para – como o próprio nome afirma – reconstruir a fibra capilar é um poderoso recurso para os fios que apresentam danos graves, como quebras constantes, elasticidade e alta porosidade, que surgem, especialmente, após submeter os cabelos a procedimentos químicos

Você sente seus cabelos muito danificados e fracos? Então, a reconstrução é o tratamento perfeito para recuperar a saúde dos seus fios. Confira, neste post, tudo o que você precisa saber sobre reconstrução capilar.

Reconstrução capilar: o que é?

Reconstrução é um tratamento indicado para todos os tipos de cabelo, ideal para recuperar fios danificados, enfraquecidos e quebradiços. A reconstrução capilar é considerada a etapa mais potente da rotina de cuidados com os fios, chamada de cronograma capilar. A reconstrução age na reposição de proteína aos fios, especialmente queratina, tornando os cabelos mais resistentes, fortes e saudáveis.

Reconstrução capilar: como fazer corretamente?

Ao falar sobre esse tema, muitas pessoas podem questionar: “Legal, mas como fazer reconstrução capilar?” Basicamente, a reconstrução pode ser feita em casa ou no salão. Quando realizada diretamente com um profissional, ela pode ser mais profunda, ideal para cabelos muito danificados. Nesse caso, o tratamento passa a ser chamado de cauterização, em que ferramentas de calor são usadas para que o produto seja melhor absorvido pelos fios.

Mas a reconstrução capilar feita em casa também garante ótimos resultados, se realizada conforme indica a embalagem de uma ótima máscara de reconstrução. De forma geral, basta aplicar o creme de reconstrução nos fios limpos com shampoo e úmidos, enluvando mecha a mecha e deixando agir pelo tempo indicado, durante o banho ou com uma touca térmica. Em seguida, é preciso enxaguar e retirar todo o produto dos fios.

Reconstrução capilar: o que é queratina?

A queratina representa 90% da constituição do fio de cabelo, dando força, elasticidade e resistência à fibra capilar. Assim, algo muito importante a ser destacado é que a reconstrução com queratina é a forma correta de realizar o tratamento. Isso porque a reconstrução capilar trabalha justamente na reposição dessa importante proteína aos fios, devolvendo a massa capilar perdida.

Reconstrução capilar: qual a frequência ideal?

Diferentemente de tratamentos como hidratação e nutrição, a reconstrução capilar não deve ser feita com grande frequência, pois muita queratina pode pesar os fios. Apenas cabelos elásticos ou extremamente danificados podem ser submetidos semanalmente ao tratamento. Do contrário, a reconstrução capilar é indicada a cada 15 dias ou ao perceber que os fios apresentam sinais de danos.

Reconstrução capilar: como escolher o produto certo?

Independentemente de seus cabelos serem lisos, crespos ou apresentarem cachos, a forma correta de escolher o seu creme de reconstrução é por meio dos ativos presentes em sua fórmula. Além da queratina, ativos como arginina (aumenta a massa capilar e sela a cutícula); colágeno (retém a água e uniformiza as cutículas); creatina (repara os danos e compõe a cadeia de queratina dos fios); e cisteína (fortalece os fios, alinhando uniformemente as cutículas) são igualmente importantes.

Para quem atravessa a fase de transição capilar, por exemplo, e precisa lidar com as duas texturas presentes nos fios, sendo a raiz mais forte e a parte quimicamente tratada mais frágil, a Máscara Transição Capilar da linha S.O.S Bomba de Vitaminas é perfeita para garantir a reposição de massa à fibra do cabelo, pois apresenta Arginina em sua composição.

Agora que você já conhece todas as condições para realizar a reconstrução nos cabelos e quais os benefícios que esse tratamento proporciona aos fios, pode dizer adeus às madeixas danificadas e exibir cabelos muito mais bonitos e saudáveis novamente.


Veja Também